SINAIS DE ALERTA DA DEPENDÊNCIA DE ANALGÉSICO PRESCRITO

 
Os analgésicos geralmente mais prescritos (OxyContin, Vicodin, Metadona, Darvocet, Lortab, Lorcet e Percocet), enquanto oferecem alívio da dor, podem fazer com que os corpos comecem a “necessitar” de drogas para se sentirem apenas “normais”.
 
Aqui estão dez sinais de alerta para prestar atenção se pensa que alguém que conheça possa estar em dependência dessas drogas:
 
1. Aumento do consumo: aumento de quantidade da dose, como resultado da crescente tolerância à droga e maior necessidade de conseguir o mesmo efeito.
 
2. Mudança na personalidade: mudanças na energia, humor e concentração como resultado das responsabilidades diárias se tornarem secundárias pela necessidade da droga.
 
3. Afastamento social: afastamento da família e dos amigos.
 
4. Consumo contínuo: o uso contínuo de analgésicos tem aumentado após a condição médica para fins de alívio.
 
5. Tempo gasto para obter prescrições: gastar muito tempo a conduzir longas distâncias e a visitar vários médicos para obter drogas.
 
6. Mudança nos hábitos diários e de aparência: declínio na higiene pessoal; mudança nos hábitos de sono e de alimentação; tosse constante, nariz a correr e olhos vermelhos e vitrificados.
 
7. Negligência de responsabilidades: negligência das tarefas domésticas; falta mais frequentemente à aula ou ao trabalho.
 
8. Sensibilidade aumentada: visões, sons e emoções normais tornando–se excessivamente estimulante para a pessoa; alucinações.
 
9. Apagamentos e esquecimentos totais: esquecer eventos que aconteceram e experimentar apagamentos.
 
10. Defesa: tornar–se defensivo e ataca em resposta a simples perguntas na tentativa de esconder uma dependência de drogas, se o consumidor sentir que o seu segredo está a ser descoberto.